sexta-feira, 1 de julho de 2011

Google+, mais uma vez repensando a internet


Google+ me parece uma bela evolução do Wave. Pensei nisso depois de ver a grande propaganda desse novo serviço: "real-life sharing rethought for the web". A palavra chave disso é o "repensado".

A ideia original do wave era essa: repensar a forma como os e-mails funcionam. Algo como "e-mails foram criados na época em que computadores ocupavam salas inteiras, por que hoje deveriam funcionar da mesma forma?". Pra mim, o Wave continua sendo sensacional e sem igual para usos diversos, inclusive acadêmicos - imagine, por exemplo, reuniões todas documentadas e realizadas em waves. É uma pena que simplesmente não pegou.

Parece que com o g+ pode ocorrer de forma diferente. Diversas características que contribuíram seminalmente para a grande falha do Wave nem deixam vestígios no g+ (velocidade, complexidade, integração, ...). Os pontos positivos parecem continuar, dentre eles a inovação na forma como vemos as redes sociais. Para exemplificar isso, vejemos o Hangout: chat em grupo com texto, webcam, mic. Isso integrado com serviços como o Youtube. Pra mim, simplesmente perfeito.

Vale comentar que ainda mais vem por aí: notou que no gmail, aquela barrinha superior agora apresenta coisas do g+? Isso se deve a atualizações que estão por vir e são testadas em grupos de usuários (veja este post).

Eu estou bastante animado com o g+ e gostaria muito que mais pessoas passassem a fazer parte. Uma pena que eu fiquei igualmente animado com o Wave ¬¬

O que vocês acharam do serviço? Quantos estão ainda esperando pelo convite?




Um comentário: