sábado, 17 de janeiro de 2009

Uma ferramenta acadêmica quase perfeita: LyX

Há algum tempo, em conversa com o professor dr. Reginaldo Napolitano (usual professor de Eletromagnetismo na graduação do IFSC), tive contato com o editor Lyx para geração de documentos ao estilo mas que não exige conhecimento quase nenhum a linguagem . O editor transforma automaticamente todos os símbolos matemáticos em fórmulas 2D [0].

Como sugestão do professor, passei a testar este editor como um caderno de notas em meu computador. Sempre que eu estudava com algum colega meu e eu estava com meu computador, eu usava o Lyx para tomar minhas notas, assim como resolver exercícios (veja a imagem ao lado) [1]. Quando estamos estudando em grupo, fica complicado repassar notas e dúvidas via e-mail sem a ajuda de . Como os documentos editados em Lyx podem ser convertidos em PDF ou PS (assim como qualquer outro documento ) basta enviar para os colegas do grupo de estudo. Se no grupo mais de uma pessoa utilizar o Lyx, também há a possibilidade de trocar os arquivos .lyx, reconhecidos pelo programa, para facilitar a edição [1].


A imagem acima mostra a solução do primeiro exercício do Ashcroft-Mermim, Solid State Physics, capítulo 1 (clique na imagem para ampliá-la). Este documento foi inteirinho escrito enquanto estudava com um colega às vésperas para a prova de Estado Sólido. O que posso dizer é que simplesmente quase nem sentimos o fato de estarmos teclando, e não escrevendo o que raciocinávamos.

O modo de inserção de texto é bem simples: basta digitar. As seções e capítulos podem ser facilmente manipulados em menus presentes no canto superior esquerdo do programa. Para inserir algo no modo matemático, é possível simplesmente usar o atalho ctrl+m. Para adicionar uma equação (pula a linha e centraliza), pode-se utilizar o atalho ctrl+shift+m. Entre outros detalhes, a construção de um caderno eletrônico ficam bem simples.

E para os que usam Ubuntu, é bem fácil de instalar o LyX: entre no terminal e digitar

sudo apt-get install lyx

Após aceitar a inclusão de alguns pacotes, o lyx deverá estar instalado. Para usuários do Windows, basta usar este tutorial.

Anexado a este post, disponibilizo um arquivo Lyx em conjunto com os arquivos PS e o PDF gerados. É a solução do primeiro exercício do Ashcroft-Mermim, Solid State Physics, capítulo 1.

Anexos:
Versão Lyx
Versão PS
Versão
Versão PDF

Post scriptum:

[0] Emprestando a linguagem do Maple.
[1] Se bem utilizado, pode realmento salvar muito tempo.

Atualização. Após a publicação, adicionei também uma breve explicação de como instalar o LyX no Ubuntu e Windows.




5 comentários: